Bujinkan Tsuru Dôjô

O Bujinkan Tsuru Dôjô é orientado pelo Henrique Narciso (15º Dan), foi criado com o intuito de ajudar a disseminar os princípios e ideais da Bujinkan, através da prática cuidada do Budô Taijutsu, tal como ele é transmitido por Hatsumi Soke e seus principais instrutores.

Kanji para Shinden Fudô Ryu desenhado pelo Hatsumi Sensei

 

Bujinkan Tsuru Dôjô - Missão e Visão

O Bujinkan Tsuru Dôjô foi criado com o intuito de ajudar a disseminar os princípios e ideais da Bujinkan, através da prática cuidada do Budô Taijutsu, tal como ele é transmitido por Hatsumi Soke e seus principais instrutores.

O Dôjô procura ser um local físico e energético que permita e estimule o total desenvolvimento pessoal dos seus membros através de um estudo profundo e continuado do processo da Vida, e de todos os seus fenómenos associados, sempre com base nos princípios da Descontracção, da Alegria e da Confiança.

Este grupo resultou da dedicação de dois amigos de longa data, Ricardo Costa e Gonçalo Rosa, ambos Shidoshi (Instrutor) de Bujinkan Dôjô Budô Taijutsu e, do generoso apoio de Peter King Sensei.
Tendo iniciado a sua actividade em Março de 1998, logo após autorização formal para a sua abertura, tem vivido e difundido os Ideais e Ensinamentos da Bujinkan, através de actividades como a condução de treinos regulares, a organização de estágios (em especial com Peter King Sensei e com Arnaud Cousergue Sensei, ambos 15º Dan Kugyo Happo Biken Bujinkan Dôjô) e a participação em variados estágios internacionais.

Com o aumento dos seus elementos Yudansha (detentores de graduações Dan) o Bujinkan Tsuru Dôjô está a iniciar uma nova fase do seu desenvolvimento. Para além de conduzir treinos regulares em vários locais, o Dôjô começa agora a ter uma estrutura capaz de funcionar como rede de apoio a todos os interessados em praticar o Budo Taijutsu da Bujinkan.

Treinos de Budô Taijutsu

As sessões de treino têm normalmente a duração de hora e meia, e decorrem num ambiente bastante relaxado e informal. Ao longo de cada sessão variados exercícios são estudados com o objectivo de tornarem mais claros e estimularem a integração dos princípios de movimentação e combate. O tipo de exercícios e o princípio ou princípios enfatizados em cada sessão tendem a ser diferentes seguindo ciclo evolutivo previamente definido. Apesar desta estruturação os novos praticantes podem começar o seu treino em qualquer altura. Apesar de as aulas ocorrerem num ambiente bastante relaxado e informal, há um certo número de formalidades que devem ser observadas. A razão deste procedimento é, não só, procurar criar um ambiente que torne mais fácil e profunda a compreensão dos ensinamentos das artes japonesas que estudamos, mas também preparar os alunos para uma possível viagem ao Japão ou visita de um instrutor estrangeiro. Todas as aulas são iniciadas e concluídas com uma pequena cerimónia (saudação), que entre outros objectivos, procura focar toda a energia/atenção dos presentes em todos os seus actos. A saudação procura também, levar os presentes a considerar o poder e potencial que todas as acções, técnicas, e ensinamentos estudados têm, especialmente quando imbuídos dessa energia/atenção. Outro objectivo da saudação, é levar todos os membros da Bujinkan a um progressivo relacionamento com a linhagem ancestral de todas as escolas que a constituem. Quando alguém inicia o seu estudo num Dojo da Bujinkan a cor do seu cinto é branca. O cinto branco indica aos outros membros do Dojo, que o aluno que o está a usar é novo e que ainda não interiorizou os ensinamentos e procedimentos básicos. Desta forma, a sua maior vulnerabilidade é do conhecimento de todos, merecendo assim um tratamento mais cuidadoso. Esta é, portanto, uma fase introdutória durante a qual, o aluno é exposto a um conjunto de ensinamentos, que irão servir de base ao seu progresso no Dojo e na Bujinkan. No final desta fase (que dura geralmente cerca de dois a três meses), o aluno estará apto a iniciar o seu estudo do Budo Taijutsu da Bujinkan. Para tal, basta haver muita vontade de treinar, ler, compreender e aceitar as normas da Bujinkan e dela se tornar membro. Os visitantes são sempre bem vindos no Dojo e os Instrutores terão todo o prazer em responder a todas as questões no final do treino (Para garantir a máxima disponibilidade por parte do Instrutor é aconselhável estabelecer um contacto prévio). Aconselhamos todos os visitantes a não se limitarem a assistir mas a participarem numa ou duas sessões de treino de forma a ficarem com uma noção mais exacta daquilo que envolve o treino de Budo Taijutsu. Para essas primeiras aulas qualquer tipo de roupa desportiva (calças e t-shirt ) é suficiente. Na altura em que o aluno toma a decisão de se tornar membro da Bujinkan, deve adquirir um keiko gi (fato de treino de artes marciais) preto e um cinto branco.

Tsuru Dojo